Intervenção cívica. Pela PALAVRA livre e responsável, com Porto de Mós como pano de fundo.

NOTÍCIAS porto de mós

Quinta-feira, 7 de Maio de 2009

Fazer falar os factos

          Sensivelmente um ano depois de lançarmos um olhar sobre a Reforma da Saúde, o Agrupamento de Centros de Saúde Pinhal Litoral II sediado em Leiria, já tem director executivo. No passado dia 2 de Abril, a Carta de Missão foi assinada por Isidro Costa que vem da estrutura da Sub Região de Saúde de Leiria como Director de Serviços para assumir aquelas funções. A Reforma da Saúde, está, pois, em marcha também no nosso concelho que, juntamente com Batalha, Marinha Grande e Leiria, constituem este agrupamento.

Adiciona ao teu Twitter

Segue João Gabriel no Twitter
 

Agrupamento

de Centros de Saúde do

Pinhal Litoral II

Sede
Leiria
Centros de Saúde
Batalha- 16 002 habitantes
Arnaldo Sampaio (Leiria)- 71 306 habit.
Gorjão Henrique (Leiria)-  65 368 habit.
Marinha Grande - 42 287 habit.
Porto de Mós- 27 486 habit.
Recursos humanos afectos ao ACES
Director executivo: 1.
Médicos: 143.
Enfermeiros: 130.
Técnicos de diagnóstico e terapêutica: 24.
Técnicos superiores: 16.
Assistentes técnicos: 153.
Assistentes operacionais: 70.
Informáticos: 2.
Total: 539.
          Gerir processos de mudança é sempre uma tarefa fascinante e, por vezes, dolorosa, dado o cocktail de interesses em jogo e os medos individuais associados à instabilidade provocada por tais processos. Interessa-nos, mais do que tudo, voltar a tomar o pulso à reforma em curso no nosso concelho sob o ponto de vista dos ganhos de saúde para os cidadãos, numa tentativa de proporcionar o esclarecimento da comunidade portomosense.
          Para nos guiar neste novo olhar sobre a reforma em curso, socorremo-nos do relatório apresentado no dia 3 de Março, em Aveiro, por Constantino Sakellarides, Presidente do Conselho Consultivo dos Cuidados de Saúde Primários e Presidente da Associação Europeia de Saúde Pública, para quem “as reformas não se fazem de preconceitos. Têm lugar sempre num contexto cultural, social e económico muito próprio.”  E esse contexto tem, este ano e por vários motivos, características muito peculiares. Este especialista reconhece que se trata “de um ano em que decorre a fase final da actual legislatura e em que têm lugar múltiplos actos eleitorais. Sabe-se como os actores sociais são sensíveis às características próprias de cada ciclo político.”  Para Constantino Sakellarides, “é necessário proteger a reforma dos confrontos eleitorais que se avizinham – fazendo falar os factos”. E deixa o recado: “Seria seguramente sinal de maturidade política que o conjunto do sistema político se associasse na valorização e apoio deste acontecimento extraordinário.”      
           Reconhecidamente ao longo deste ano, e possivelmente ainda no próximo, irão aumentar as situações de pobreza na nossa terra decorrentes da crise global que vivemos. Para Constantino Sakellarides, “as primeiras Unidades de Cuidados na Comunidade e de Saúde Pública a implementar no âmbito dos Agrupamentos de Centros de Saúde poderiam ter aqui um papel relevante a desempenhar.”
          Porto de Mós está a preparar, precisamente, uma destas Unidades de Cuidados na Comunidade.
          “Fazer falar os factos”, é isso a que nos propomos esperando abertura dos Serviços de Saúde na recolha de informação fidedigna e útil para os cidadãos.

ARQUIVO PENSAR porto de mós

20Março08
27Março09
9Abril08
17Abril08

 

publicado por Joga às 00:01

link do post | comentar | favorito

>alerta gripe A

Clique aqui

Veja AQUI as recomendações do Departamento de Saúde Pública do Ministério da Saúde.

 

 

>pensamento do mês

 

>bloco de notas

 
   
>twitter

Segue-me em http://twitter.com
 
 

>vox pop

>iniciativas

 

PrémioPM

saber mais

ver candidatos

 

>videos


 

Impulso Tecnológico

Vídeo-documento

Quebar barreiras

Concelho turístico

Prevenir, prevenir, prevenir

Espírito de Natal

Há Movimento na Serra

PDM com Rosto Humano

>pensamento lógico

 

JUNHO

MAIO 09

ABRIL 09

MARÇO 09

FEVEREIRO 09

JANEIRO 09

DEZEMBRO 08

NOVEMBRO 08

OUTUBRO 08

SETEMBRO 08

AGOSTO 08

 JULHO 08 

 JUNHO 08

MAIO 08

ABRIL 08

MARÇO 08

FEVEREIRO 08

JANEIRO 08

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

>posts recentes

> Inauguração

> Argumentário

> Rescaldo eleitoral

> Voto com sentido

> Pré-campanha quente

> Debate autárquico - 2ª Pa...

> Debate autárquico - 1ª Pa...

> Argumentário de Agosto

> Ambientalistas contra par...

> Argumentário de Julho

> O filho pródigo

> Felicidades, Júlio Vieira

> Argumentário de Junho

> Uma questão pessoal

> Um Concelho de Freguesias

> Vêm aí o S. Pedro

> Argumentário de Maio

> Um repto

> Vida de repórter

> Não há factos, só silênci...

>pensar

>edição

>pesquisar

 

>arquivos

> Outubro 2009

> Setembro 2009

> Agosto 2009

> Julho 2009

> Junho 2009

> Maio 2009

> Abril 2009

> Março 2009

> Fevereiro 2009

> Janeiro 2009

> Dezembro 2008

> Novembro 2008

> Outubro 2008

> Setembro 2008

> Agosto 2008

> Julho 2008

> Junho 2008

> Maio 2008

> Abril 2008

> Março 2008

> Fevereiro 2008

> Janeiro 2008

> Dezembro 2007

> Novembro 2007

> Outubro 2007

> Setembro 2007

> Agosto 2007

> Julho 2007

> Junho 2007

> Maio 2007

> Abril 2007

> Março 2007

> Fevereiro 2007

> Janeiro 2007

> Dezembro 2006

> Novembro 2006

> Outubro 2006

> Agosto 2006

> Julho 2006

>this in English

>feeds